Archive for dicembre 2008

…dizer te amo

23/12/2008

23 12 2008

Olho-te enquanto me olha
seu olhar está sorrindo
de compaixão e de amor.
Seus labios estão me chamando
e meu coração, confuso,
quer chorar.

Toco-te enquanto me toca
sinto a sua pele morena,
macia, me pedir uma caricia
e minha mão medrosa
tenta deslisar no seu rosto.
Farejo-te enquanto me fareja
e meu nariz percebe seu perfume,
o cheiro dos cabelos,
caracolados capturam
minha atenção no que estou sentindo
mas minha mente foge
e meu coração despara.

Abraço-te enquanto me abraça
meus braços apertam seus ombros
minhas pernas encostam-se nas suas
deitados
uma gota cai do meu olho
na escuridão não se percebe.
O calor nos separa
aquele pouco para ficar endormecidos
aquele tanto para esquecer
de dizer te amo.

Annunci

Outono

23/12/2008

23 12 2008

Chove, chegou o outono.
Sinto meus pensamentos ficar cinza
como a cor do céu
que de nuvens vai se cobrindo.

Será que meu coração
de cinza tambem se cobrirá?
A vida do verão está adormecendo
e o silencio está acordando
deixando-me mais triste.

Seus cabelos,
agora, longe dos meus olhos
são lembrança da vida,
são esperança dos sonhos secretos
proibidos que não tem vaga
no nosso dia-a-dia.

Seus labios e sua risada
são tudo o que meus olhos tocaram
e agora, longe da minha retina,
meu coração permanece parado
olhando essas imagens
como quem, sentado perto do lar,
espera alguem voltar,
como se tivesse que sair
da foto que aperta na mão.

E sentirá de novo
o impulsivo e descontrolado pulsar
da propria natureza
mexendo novamente meu sangue
e meus sentimentos.

O verão voltará
e com ele, você.